Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

ondas suaves

Ondas Suaves não é nada mais que a tradução literal dos caracteres 宁波 (Ningbo). Uma pequena cidade costeira situada na província de Zhejiang, China.

ondas suaves

Ondas Suaves não é nada mais que a tradução literal dos caracteres 宁波 (Ningbo). Uma pequena cidade costeira situada na província de Zhejiang, China.

Wuzhen, a Veneza asiática.

Não me recordo bem quando, mas num certa dia deparei-me com esta notícia:

http://greensavers.sapo.pt/2014/11/24/wuzhen-uma-cidade-rio-chinesa-com-fotos/

Fiquei curioso e ao pesquisar reparei que a cidade até que nem fica longe de Ningbo (nos parâmetros chineses claro). Ontem resolvi lá ir dar uma espreitada, só para ver se o que eles diziam sempre era verdade. Antes de mais, deixem-me mostrar-vos um pouco daquilo que li na notícia:

" Localizada bem no centro de seis cidades antigas a sul do rio Yangtze, na China, a cidade-rio de Wuzhen é uma das maiores atracções da região, devido às suas pontes de pedra, caminhos aquáticos e esculturas de madeira.

Com 12 mil habitantes permanentes e uma população flutuante – literalmente! – de 60 mil pessoas, Wuzhen estende-se por dois quilómetros e encontra-se dividida em seis bairros: o dos artesãos, o das habitações, o da cultura, o da alimentação e bebidas; o das lojas e o da água.

Numa altura em que as cidades chinesas são notícia pela poluição, pela grande quantidade de prédios e edifícios de habitação sem proprietários e pela “cópia” de cidades ocidentais, não deixa de ser reconfortante perceber que existe outra China (...)."

Ao sair para qualquer lado aqui na China corre-se sempre o risco (para nós estrangeiros) de entrar numa aventura, não bastando isso, decidi pela primeira vez desde que aqui estou, planear sozinho e por completo uma viagem turística. Afinal de contas já sei o suficiente para não me perder, apesar de por vezes não ser fácil. O itinerário não se adivinhava fácil e fez-se da seguinte maneira: autocarro (30 min) - comboio (1h40) - autocarro (1h) - autocarro (10 min) e pronto, chegámos ao destino.

Wuzhen em si é mais uma cidade chinesa como todas as outras, no entanto, tem uma espécie de dois parques temáticos no seu interior, a vila-rio Este e a vila-rio Oeste, para entrar nestas vilas-rio primeiro tem de se pagar (como tudo na China) e depois temos o privilégio de entrar numa outra realidade, num local que ficou parado no tempo e que reproduz da forma mais fiel possível aquilo que foi a China à 7 mil anos atrás. Como é óbvio está totalmente turistificado: lojas de lembranças, museus, restaurantes típicos e pois claro, as atracões paisagísticas. Não me parece de forma nenhuma que alguém viva por lá, a não ser os turistas dos hotéis (com preços altamente exorbitantes, no mínimo uns 150€ por noite) que se situam dentro desta zona. É por tudo isso que eu lhe chamei de "parque temático". Contudo, não poderei de forma alguma desvalorizar este local, pelo contrário, é magnifico.  

Na vila-rio aconteceu-me algo no mínimo caricato. Não interessa a situação, mas falei chinês com um chinês e ele surpreendido, chamou a mulher para tirar uma foto comigo (estávamos sentados numa ponte)... depois foi a vez dos seus amigos, e depois de alguém que ia a passar e dei por mim sentado no mesmo sitio quase uns dez minutos enquanto as pessoas iam rodando para tirar fotos .. agora a parte chocante, havia uma pequena fila para o efeito. Nisto, alguém me diz "Devias pedir dinheiro.", eu respondi que queria 5yuans por foto (quase 1€), houve muitos risos mas foi a solução para me ir embora dali. Parece divertido, mas não é. Estava a meio da visita e não tinha tempo para visitar tudo o que queria (como nos acontece em qualquer parque temático), eu bem era simpático para as pessoas, mas depois da quinta foto sentia-me que nem um objecto, uma estátua. Senti o que é invadirem-te a privacidade. Rodeado de gente e sei saber o que fazer, começou na diversão e acabou quase em pânico. Mas tudo isso só por seres estrangeiro e arranhares (pouco) no chinês? Parece que sim. Até porque não vi mais estrangeiros enquanto lá andei. Enfim, os verdadeiros famosos podem ficar descansados que depois desta não lhes peço para tirar fotos. Já agora, não fiquei com nenhuma foto.

Fiquem agora com a beleza de Wuzhen, desta vez com muitas fotos tiradas por mim, mas com a infelicidade da qualidade do telemóvel.

 

2.jpg

3.jpg

4.jpg

5.jpg

6.jpg

 

 

campo.jpg

doces.jpg

janela.jpg

leao.jpg

molho.jpg

buraco.jpg

 

rezar.jpg

 

mmexport1437065313092 (2).jpg

noite.jpg

 

 Abraços!

 

 

2 comentários

  • Imagem de perfil

    ondasuaves 24.07.2015

    Hahaha :D como agente ias tirar a tua parte, acabava por ficar com o mesmo ;D verdade, pedi pouco para ver se colava hehe. Beijinhos
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.